Quinta-feira 22 de Agosto de 2019
Inicio / Noticias / Mais de 100 algarvios participam no 27º Encontro Europeu de Jovens de Taizé em Lisboa

Mais de 100 algarvios participam no 27º Encontro Europeu de Jovens de Taizé em Lisboa

Conforme referiu João Paulo II numa breve mensagem dirigida aos participantes do encontro de Lisboa, os jovens algarvios, em comunhão com os restantes participantes portugueses, associados por sua vez aos jovens de toda a Europa, «durante estes dias, terão ocasião de viver em intimidade com o Senhor, de fazer uma experiência eclesial com as comunidades portuguesas, dando graças pelos dons que o Senhor lhes concedeu». Os grupos de 102 jovens algarvios participantes, que seguirão para Lisboa de autocarro, irão acompanhados de cinco adultos, dois dos quais sacerdotes e um diácono, e de alguns animadores. Do total de inscritos, 44 irão participar como voluntários na organização do encontro e, para se inteirarem da missão que os aguarda, seguirão para Lisboa dois dias mais cedo que os restantes participantes que só viajarão no dia 28 de Dezembro, o dia que marca o início deste encontro, intitulado «peregrinação de confiança na terra». O encaminhamento e orientação dos participantes, a limpeza das áreas do encontro, a distribuição da alimentação, entre outras tarefas, são alguns dos serviços desempenhados pelos voluntários algarvios. Os inscritos algarvios são oriundos de Odeceixe a Vila Real de Santo António, passando por Aljezur, Marmelete, Bensafrim, Lagos, Portimão, Silves, Lagoa, Tunes, Alcantarilha, Pêra, Ferreiras, Albufeira, Paderne, Boliqueime, Almancil, Santa Bárbara de Nexe, Estoi, São Brás de Alportel, Quelfes, Azinhal, sendo que de Quarteira, Loulé e Faro são provenientes o maior número dos participantes, respectivamente 23, 20 e 17 inscritos. Enquanto os jovens voluntários ficarão alojados perto do seu local de trabalho, os Pavilhões da FIL – Feira Internacional de Lisboa, no Parque das Nações, os restantes participantes irão ser acolhidos em famílias das 3 dioceses de acolhimento: Lisboa, Setúbal e Santarém. Os participantes algarvios irão então juntar-se aos cerca de 5 mil jovens portugueses ( 2 mil das dioceses de acolhimento e 3 mil das restantes dioceses) que constituirão a representação portuguesa no encontro. O programa do encontro será iniciado diariamente com uma oração feita nas paróquias, seguida de um encontro, em pequenos grupos, o­nde é reflectida a Carta 2005 de Taizé, bem como alguns textos bíblicos. Às 12 horas, já nos pavilhões da FIL, será servido o almoço, seguindo-se pelas 13.15 horas o momento de oração comum a todos os participantes. Terminada a oração, a tarde será preenchida com realização de diversos workshops diários o­nde se poderão inscrever os participantes e às 18 horas será distribuido o jantar e pelas 19.30 horas será feita uma oração com meditação do irmão Roger, à volta da cruz. No final da oração, que encerra o programa diário, os jovens regressarão às famílias de acolhimento. No dia 31 de Dezembro, à tarde, em lugar dos workshops será feito um encontro por países e regiões de origem. O ponto alto deste 27º Encontro Europeu de Jovens acontecerá também no último dia do ano, com uma vigília de oração pela paz que terá lugar, pelas 23 horas nas paróquias, seguida de uma “Festa das Nações”. No primeiro dia de 2005, o último do encontro em Lisboa, os jovens participarão de manhã nas celebrações preparadas nas paróquias e almoçarão nas famílias, partindo depois do almoço para as suas comunidades de origem. O 27º Encontro Europeu de Jovens será formalmente encerrado com a presença dos irmãos de Taizé na celebração da Eucaristia Vespertina, em Fátima, pelas 18.30 horas. Ao longo do último ano, particularmente dos últimos 4 meses, os jovens algarvios foram ainda sensibilizados e esclarecidos para a participação no encontro pedido pelo Cardeal Patriarca de Lisboa ao irmão Roger, superior e fundador da comunidade ecuménica de Taizé. A equipa constituída pelo Sector Diocesano da Pastoral Juvenil para organizar e promover conjuntamente esta iniciativa realizou vários encontros de preparação e sensibilização pelas paróquias da diocese algarvia. Para além destas iniciativas, a diocese do Algarve recebeu ainda a visita dos irmãos João e José Ramón, respectivamente em Abril e Outubro, tendo reunido com o Bispo diocesano, D. Manuel Neto Quintas, a quem endereçaram convite pessoal para participação no encontro de Lisboa. Os irmãos da comunidade de Taizé orientaram ainda diversos momentos de oração nas comunidades paroquiais algarvias que tiveram oportunidade de visitar. Análise da Carta do Ir. Roger para o Encontro Europeu pelo pe. António Martins

Verifique também

Bispo do Algarve destacou ação das Misericórdias para “curar as chagas humanas e sociais”

O bispo do Algarve considerou ontem que “as Misericórdias se situam entre as instituições que, …