Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

O bispo do Algarve inicia amanhã, 25 de fevereiro, a terceira e última visita pastoral deste ano de 2017/2018. D. Manuel Quintas visitará as paróquias de São Brás de Alportel e Santa Catarina da Fonte do Bispo até ao dia 04 deste março.

No domingo, a visita tem início de manhã com as celebrações da eucaristia no lugar de São Romão (São Brás de Alportel), às 9h, e em São Brás de Alportel, às 10h30 na igreja matriz, com administração do sacramento do crisma.

Após o almoço com os crismandos, o bispo diocesano presidirá, pelas 17h, à celebração da eucaristia no lugar da Mesquita (São Brás de Alportel).

Ao longo da semana, e segundo o programa a que Folha do Domingo teve acesso, o prelado encontrar-se-á também com os Conselhos Pastorais e Económicos, a Comissão de Festas, os catequistas, os membros da Cáritas paroquial, da Liga de Intensificação da Ação Missionária (LIAM) e dos Jovens Sem Fronteiras. D. Manuel Quintas irá encontrar-se ainda com os agentes da pastoral litúrgica, incluind

o a equipa de liturgia, coro, ministros extraordinários da eucaristia, acólitos e limpeza da igreja.

O bispo do Algarve encontrar-se-á também com os escuteiros dos agrupamentos do Corpo Nacional de Escutas, as crianças e adolescentes das catequeses daquelas paróquias. D. Manuel Quintas visitará ainda doentes, os lares e infantários, bem como a Câmara Municipal, as Juntas de Freguesia, a GNR, os bombeiros, a Santa Casa da Misericórdia, as escolas Secundária e Bernardo Passos, uma fábrica de ladrilhos e outra de cortiça, um lagar de azeite, uma cooperativa e destilaria e um ateliê de uma artista plástica.

A visita terminará, no dia 4 de março, com as celebrações eucarísticas em Alportel (10h15), em Santa Catarina da Fonte do Bispo (11h30), com administração do sacramento do crisma, e no lar da Misericórdia (16h).

O Código de Direito Canónico estabelece que os bispos têm a obrigação de visitar toda a diocese ao menos a cada cinco anos, podendo, em caso de necessidade, delegar essa tarefa no prelado coadjutor ou auxiliar, ou ainda num padre.