Inicio / Seminário / Património

Património

Arquivo Musical

Este fundo, catalogado segundo as normas do RISM, contém livros litúrgicos, numerosas partituras manuscritas, das quais apenas se catalogaram as datadas até meados do séc. XIX. Trata-se de uma amostragem representativa do repertório litúrgico praticado na Sé de Faro, maioritariamente pelos alunos do Seminário de Faro, desde finais do séc. XVIII, altura em que J. J. Baldi foi mestre de capela da Sé. O fundo manuscrito consiste basicamente em cópias dos compositores mais conhecidos da música sacra portuguesa, sobressaindo as do próprio Baldi, assim como de outros autores como D. Frei Joaquim Meneses de Ataíde, bispo de Elvas, lnácio António Ferreira de Lima, Nicolau Ribeiro Passo Vedro, Francisco Peres, José do Espírito Santo Oliveira, João Evangelista Pereira da Costa e Frei Manuel de Santo Elias. A música autógrafa reduz-se praticamente a algumas partituras do professor do seminário Tomás de Aquino Lobo de Matos e Abreu. Cópias da Missa defunctis de Jomelli e as Paixões de Francisco Luís são exemplos da circulação por todo o país de obras da música litúrgica apreciada em Portugal. Maços numerosos de música manuscrita dos sécs. XIX e XX, ainda por estudar, documentam fundos provenientes de personalidades eclesiásticas ou instituições musicais da região.

(Da Enciclopédia da Música em Portugal no século XX. Direcção de Salwa Castelo-Branco)