Quinta-feira 28 de Novembro de 2019
Inicio / Igreja / Diocese do Algarve quer peregrinar a Ars em Maio do próximo ano

Diocese do Algarve quer peregrinar a Ars em Maio do próximo ano

Ars é uma vila da França situada a norte de Lyon, intimamente ligada a São João Maria Vianney (1786-1859). Tendo chegado à paróquia d’Ars e encontrado a Igreja vazia e praticamente sem fiéis, o padre João Maria Vianney concentrou-se na adoração eucarística, passando longas horas em oração diante do sacrário. Pela caridade e benevolência com que acolhia todos os seus paroquianos, conseguiu atrai-los para a Igreja, onde se notabilizou pela qualidade das suas catequeses, pela direcção espiritual e pelo atendimento que lhes dispensava no sacramento da reconciliação. A sua fama ultrapassou as fronteiras da Diocese de Belley e estendeu-se a toda a França, tornando a pequena Ars num autêntico centro de peregrinação de multidões que demandavam a sua igreja para se encontrarem com o pároco e junto dele e através dele se deram incontáveis conversões, de cristãos afastados, e até de ateus e agnósticos, que se convertiam só ao ouvi-lo e logo pediam o sacramento da Reconciliação. A peregrinação de oito dias, entre 3 e 10 de Maio de 2010, que será presidida por um sacerdote da Diocese do Algarve, tem início com a partida de autocarro com destino a Santiago de Compostela (Espanha), passando por Fátima. O segundo dia será então para visita a Santiago de Compostela em ano de Xacobeo. No terceiro dia, os peregrinos, ainda em território espanhol, visitarão Oviedo e seguirão para o Santuário de Lourdes (França). O quarto dia é para visita ao Santuário de Lourdes e no quinto dia partem com destino a Paray-le-Monial. No sexto dia seguem da cidade de Santa Margarida Maria Alacoque para Cluny e Taizé. Na comunidade ecuménica fundada pelo irmão Roger, participam na oração comunitária do meio-dia e seguem para Ars. De tarde visitam Dardilly, terra natal de São João Maria Vianney, o Cura d’Ars, e chegam a Lyon. No sétimo dia, os algarvios visitam Avignon e Montserrat, esta última já em Espanha, e, no último dia, regressam ao Algarve. O valor da peregrinação, para um mínimo de 31 participantes, em regime de pensão completa (incluídas todas as refeições), é de 870 euros em quarto duplo, sendo o suplemento para quarto individual de mais 165 euros. Para mais informações, consultar a informação publicada aqui ou contactar o jornal FOLHA DO DOMINGO, através dos telefones 289 822 319 ou 969 512 617.

Verifique também

Bispo do Algarve desafiou cristãos a crescerem na “consciência social de atenção” aos pobres

No último domingo, em que a Igreja assinalou o III Dia Mundial dos Pobres, o …