Foto © Samuel Mendonça
Foto © Samuel Mendonça

A igreja de Nossa Senhora do Amparo, em Portimão, tem uma nova cobertura que foi inaugurada no último domingo.

Foto © Samuel Mendonça
Foto © Samuel Mendonça

O telhado de fibrocimento (amianto) foi substituído por uma placa prensada de poliuretano com seis centímetros de espessura e o betão foi coberto com espuma de poliuretano projetada. A intenção, para além da questão de saúde pública, foi a de eliminar o eco que se fazia sentir no interior da igreja e que causava enormes problemas ao nível acústico, bem como regular a temperatura que no verão era excessivamente elevada e no inverno demasiadamente baixa.

Complementarmente, foram abertos respiradores junto ao teto para saída do ar quente. A iluminação foi também renovada e igreja foi pintada, tendo sido também limpo o pavimento.

A obra custou pouco mais de 90 mil euros e foi totalmente suportada pela paróquia com recurso a um empréstimo pedido à paróquia da Mexilhoeira Grande. “Tivemos três anos à espera da Comissão da Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve que, trimestre após trimestre, dizia que apoiaria a obra mas sem nunca desbloquear o financiamento e acabámos por decidir que não podíamos esperar mais”, contou o pároco, padre Luís do Amaral ao Folha do Domingo.

Os trabalhos, iniciados há três meses, ainda não estão terminados, faltando concluir a intervenção feita na zona do altar, ao nível do pavimento e da parte superior.