Sexta-feira 15 de Novembro de 2019
Inicio / Arquivo de Tags: Jornadas de Ação Sóciocaritativa (pagina 2)

Arquivo de Tags: Jornadas de Ação Sóciocaritativa

Encontro da pastoral social realçou importância de ‘motu proprio’ de Bento XVI para aquele sector

As XVII Jornadas de Ação Sociocaritativa da Diocese do Algarve – que este ano constituíram simultaneamente o VIII Encontro dos Centros Sociais Paroquiais e das Santas Casas da Misericórdia promovido pela diocese algarvia – decorreram no passado sábado e procuraram refletir sobre a carta apostólica sob a forma de ‘motu proprio’ Intima Ecclesiae Natura [A natureza íntima da Igreja] de …

Ler mais »

Diocese do Algarve promoveu encontro de agentes da pastoral social

A Diocese do Algarve promoveu no passado sábado um encontro no âmbito da pastoral social que constituiu simultaneamente as XVII Jornadas de Ação Sociocaritativa e o VIII Encontro dos Centros Sociais Paroquiais e das Santas Casas da Misericórdia. A formação, que teve lugar no Centro Pastoral e Social de Ferragudo com a participação de 65 pessoas de todo o Algarve, …

Ler mais »

XVII Jornadas de Ação Sociocaritativa da Diocese do Algarve abordam “pensamento social cristão”

As XVII Jornadas de Ação Sociocaritativa da Diocese do Algarve voltam a trazer ao Algarve o teólogo Juan Ambrósio, professor da Universidade Católica Portuguesa, para ajudar a refletir sobre o tema “O Pensamento Social Cristão – coordenadas para a experiência cristã”. A iniciativa volta a realizar-se este ano em separado das dimensões bíblica e litúrgica que nos últimos dois anos …

Ler mais »

Juan Ambrosio lamenta “pressão indevida” sobre o papado

Juan Ambrosio considera que foi colocada sobre o papado “uma pressão que é indevida”. Nas XIV Jornadas de Ação Sociocaritativa da Diocese do Algarve, aquele teólogo lembrou “o Papa é humano, engana-se, é frágil, não sabe tudo, não tem a certeza de tudo, não é Deus”. “Esta imagem de um Papa muito humano que nos pode causar um enorme desconforto …

Ler mais »

Teólogo diz que diálogo inter-religioso deve ser centrado no “pleno desenvolvimento humano e do bem comum”

O teólogo Juan Ambrosio considera que o diálogo inter-religioso deve ser feito centrado no “pleno desenvolvimento humano e do bem comum”, até porque este é o critério para perceber quais os “gestos legítimos” dentro de cada tradição religiosa. “Quando o diálogo inter-religioso é feito centrado em Deus e na minha relação com Deus torna-se não só quase impossível, como perigoso …

Ler mais »