Participaram 250 pessoas que se deslocaram em 5 autocarros, orientadas pelo coordenador diocesano, António Aparício, tendo presidido à peregrinação, em representação do Bispo do Algarve, o padre Firmino Ferro, vigário geral da diocese algarvia. Do programa fez parte a recitação do rosário na Capelinha das Aparições, onde foi feita a consagração do RCC do Algarve ao Imaculado Coração de Maria, padroeira do movimento em Portugal que nasceu precisamente em Fátima há 33 anos. Foi também celebrada a Eucaristia igualmente com a participação dos participantes algarvios, seguindo-se o almoço e uma tarde de convívio com ensinamento, animação a cargo das comunidades Luz e Vida e Canção Nova. À volta da mesa e no convívio estiveram ainda presentes representantes de várias comunidades do RCC sediadas em diversas zonas de Portugal. “Tudo decorreu com dignidade e com a alegria própria da presença do Espírito Santo que ‘sopra como quer e onde quer’”, afirmou à FOLHA DO DOMINGO o padre Firmino Ferro.