Sexta-feira 29 de Novembro de 2019
Inicio / Noticias / 33 catecúmenos eleitos aos sacramentos da iniciação cristã

33 catecúmenos eleitos aos sacramentos da iniciação cristã

Os adultos agora admitidos aos sacramentos de iniciação cristã (Baptismo, Confirmação e Eucaristia), iniciaram uma nova fase do seu catecumenado – a purificação e iluminação, – deixando de ser catecúmenos para passar a ser eleitos ou seja escolhidos. A Igreja tem um percurso próprio para a iniciação cristã dos adultos que começa com um período de pré-catecumenado, com a manifestação do primeiro desejo de ser Baptizado. Segue-se o tempo de catecumenado, ligado de maneira particular à catequese, ao conhecimento da pessoa de Jesus, da Igreja e das verdades da fé cristã. Este tempo termina com o Rito de Eleição dos catecúmenos e a partir desse dia, a preocupação com os adultos já não é de ordem doutrinal, mas de ordem espiritual. São então convidados a uma caminhada de ordem interior, espiritual. Seguidamente à recepção dos sacramentos da iniciação cristã, com o Baptismo, a Confirmação e a Eucaristia, os neófitos iniciam um período de Mistagogia em que são inseridos na vida da Igreja. O Bispo do Algarve que presidiu à celebração da Eucaristica, na Sé Catedral de Faro, na qual decorreu o Rito de Eleição, lembrou que “há domingos da Quaresma cuja Palavra de Deus ilumina esses ritos de preparação para o Baptismo”. D. Manuel Quintas recordou também que os eleitos “vão receber o símbolo da fé – o Credo –, e a oração do Pai Nosso”. “Vão estar presentes na oração de toda a nossa Igreja diocesana ao longo destes 40 dias”, acrescentou ainda o Bispo diocesano. Dirigindo-se aos eleitos, D. Manuel Quintas sublinhou a importância da caminhada catecumenal de aprofundamento da fé ao nível da oração pessoal e do realce a dar à escuta da Palavra de Deus. “É sobretudo um tempo de confronto com a pessoa de Jesus”, explicou o Prelado. “Como Bispo desta diocese vou acompanhar-vos com a minha oração e vou estar unido a cada um de vós e aos vossos párocos na Vigília Pascal, nessa noite em que ireis receber os Sacramentos que vos tornam adultos na fé”, afirmou o Bispo do Algarve, acrescentando: “certamente vindes enriquecer a nossa Igreja diocesana com a vossa presença na Eucaristia, com o vosso testemunho cristão na vossa vida pessoal e com o vosso contributo no anúncio do Evangelho”. Acompanhados pelos seus padrinhos, garantes nesta sua caminhada de fé, os candidatos depois de apresentados pelo diácono Luís Galante, delegado diocesano do Catecumenado, aproximaram-se do Bispo diocesano. Após terem sido interrogados, padrinhos e candidatos, os segundos inscreveram em livro próprio o seu nome, gesto que confirma a sua vontade em receber os sacramentos da iniciação cristã, o que irá acontecer na próxima Vigília Pascal, celebração litúrgica normal de iniciação cristã dos adultos e renovação das promessas baptismais daqueles que já são cristãos. Até lá, os agora eleitos irão celebrar as fases seguintes, chamadas de escrutínios, no terceiro, quarto e quinto domingos da Quaresma. Primeiramente, pelas 10 horas, os ainda catecúmenos participaram num encontro com o Bispo diocesano, que teve lugar nas instalações do CEFLA – Centro de Estudos e Formação de Leigos do Algarve. Os eleitos eram oriundos das paróquias de Alte, de Boliqueime, de Cacela, da matriz de Portimão, de Quelfes, de São Clemente de Loulé, da Sé e São Pedro de Faro, de Silves e de Tavira.

Verifique também

Bispo do Algarve destacou ação das Misericórdias para “curar as chagas humanas e sociais”

O bispo do Algarve considerou ontem que “as Misericórdias se situam entre as instituições que, …