Segunda-feira 19 de Agosto de 2019
Inicio / Noticias / A UNICEF DENUNCIA

A UNICEF DENUNCIA

O documento da UNICEF diz ainda que cerca de 143 milhões de crianças, nos países em desenvolvimento, perderam pelo menos um dos pais, além disso acrescenta que mais de um milhão de crianças vive em detenção por delitos menores à espera de julgamento. Refere ainda o problema dos meninos soldados ao mesmo tempo que enumera um rol imenso de outras situações em que as crianças são exploradas e abusadas de mil modos… Concretamente, aponta o relatório outros números e outras sevícias aplicadas às crianças. Milhões e milhões a trabalhar não só na agricultura, o­nde são tratadas como escravas, como também em fábricas e minas manuseando, muitas vezes, equipamentos e substâncias perigosas… Exploração e mais exploração a todos os níveis com relevância para a exploração do sexo para fins comerciais!… Quantas dessas crianças vendidas em circuitos clandestinos e ilícitos o­nde são forçadas a entregar-se a actividades perigosas e degradantes!… E é, precisamente nos países mais pobres, como refere o relatório que as crianças são também mais invisíveis, sofrendo discriminação de toda a espécie. E são milhões, muitos milhões…

Verifique também

Bispo do Algarve destacou ação das Misericórdias para “curar as chagas humanas e sociais”

O bispo do Algarve considerou ontem que “as Misericórdias se situam entre as instituições que, …