Aos cristãos de Algoz, incluindo muitos da comunidade de Tunes, que já aguardavam no Largo da Junta de Freguesia local, juntaram-se então os da paróquia da Guia que integraram em várias viaturas particulares o cortejo que até ali seguiu. Na recepção à imagem da Virgem de Fátima, o padre Manuel Condeço começou por explicar o sentido da participação naquele acontecimento. “Estamos aqui para dar glória a Deus através de Maria que nos visita”, esclareceu, lembrando que, tal como há 2 mil anos quando Maria “peregrinou pelas terras da Judeia, levando no seu ventre o Filho Jesus, também hoje peregrina pelas nossas terras para nos dizer que é Mãe e está preocupada com os problemas dos seus filhos”. “Maria vem-nos dizer que o caminho é o da cruz. Não há Cristianismo sem cruz e sem amor”, acrescentou. Lembrando que Maria vem reafirmar o que disse em Caná da Galileia – «Fazei o que Ele vos disser» –, o padre Manuel Condeço recordou que Nossa Senhora “continua hoje na Igreja como Mãe”. “Mãe de Deus, Mãe da Igreja e nossa Mãe”, frisou, lembrando que Nossa Senhora é também a padroeira das paróquias de Algoz e Guia. O sacerdote lembrou ainda que “foi por estar preocupada com a salvação da humanidade, com o sofrimento do seu Filho e com os pecados dos homens” que Nossa Senhora, há 91 anos, “se dignou aparecer em Fátima para dizer a três humildes crianças que Deus estava muito ofendido com os pecados dos homens, pedindo-lhes para rezarem muito”. “Também nos diz agora a nós para rezarmos o terço todos os dias. E se a passagem dela por estas nossas comunidades servir para tomarmos esse compromisso já valeu a pena a sua vinda”, afirmou. O prior de Algoz e Guia explicou ainda que “Nossa Senhora aponta o caminho da conversão e da penitência por amor a Deus, para que, vivendo de acordo com a sua vontade, os cristãos não se afastem do caminho do céu”. “Ela quis vir como uma Mãe que vai visitar os seus filhos. Ela hoje está aqui para nos dizer que apesar de todos os nossos problemas, quer que encaremos a vida com um sorriso de esperança”, disse. Não obstante o sacerdote frisou que esta visita é igualmente um “sinal de alerta vindo do céu”. “Se os homens não se converterem virão novas guerras para assolar o mundo e cada vez teremos menos paz”, vaticinou, na esperança de que esta passagem de Maria pelas comunidades da Algoz, Guia e Tunes “seja uma fonte de bênçãos para todos, que traga alegria de viver e felicidade”. Na Eucaristia a que presidiu de seguida ainda no mesmo espaço, o padre Manuel Condeço, reforço que Nossa Senhora veio prevenir para evitar a “catástrofe da derrota” e lembrar aos homens que são “sentinelas de Deus” e todos têm obrigação na prevenção contra os “perigos que possam ameaçar”. Após a celebração seguiu-se a procissão de velas pelas ruas da paróquia até à igreja matriz. A imagem continuará em Algoz e Tunes até ao próximo dia 20 de Setembro, segundo o programa que se segue. Mais fotos, brevemente na ‘Galeria de Imagens’ Visita da Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima à Paróquia de Algoz 09 de Setembro – Terça-feira Visita da Imagem à Ribeira Alta 21.00h – Recepção Recitação do Terço – Eucaristia 10 de Setembro – Quarta-feira Dia dedicado à Catequese: Adultos, Jovens, Escuteiros 18.00h – Eucaristia 21.00h – Catequese Mariana 11 de Setembro – Quinta-feira Visita à Aldeia de Tunes/Alvaledes 21.00h – Recepção Recitação do Terço e outras actividades 12 de Setembro – Sexta-feira Algoz 21.00h – Procissão pelos bairros de Algoz com recitação dos Mistérios do Terço em cada bairro 13 de Setembro – Sábado Algoz 18.00h – Missa Vespertina 19.30h – Cortejo em «charrete de mulas» até Tunes – entrega da Imagem à Comunidade de Tunes Local – Junta de Freguesia de Tunes 20.00h – Recepção da Imagem proveniente de Algoz Procissão de velas para a Capela de Nª. Sª. de Fátima Missa Vespertina 14 de Setembro – Domingo TUNES – Capela de N. Sª. de Fátima 09.00h – Eucaristia Dominical 15.30h – Filme «Maria filha de seu filho» com convívio intercalar 15 de Setembro – Segunda-feira Todos os dias a Capela estará aberta das: 10.00-12.00h – 15.00-18.00h para oração individual 21.00h – Visita da Imagem às Assumadas Recitação do Terço e outras actividades 16 de Setembro – Terça-feira 21.00h – Visita da Imagem aos Amendoais Recitação do Terço e outras actividades 17 de Setembro – Quarta-feira 21.00h – Visita da Imagem aos Canais Recitação do Terço e outras actividades 18 de Setembro – Quinta-feira 21.00h – Visita da Imagem às Gateiras Recitação do Terço e outras actividades 19 de Setembro – Sexta-feira 21.00h – Dia dedicado à Catequese de Tunes Recitação do Terço e outras actividades 20 de Setembro – Sábado 10.00h – Jornadas da Catequese – Algoz/Tunes Com almoço partilhado e várias actividades dedicadas à Catequese paroquial 17.00h – Missa Vespertina 17.45h – Cortejo automóvel para entrega da Imagem à Paróquia de Paderne