D. Manuel Neto Quintas voltou a referir-se ao "surpreendente" número de fiéis que participaram na noite anterior na recepção à imagem em Faro e sublinhou que tal facto não foi surpresa para Nossa Senhora, pois "Ela sabe bem o que vai no coração de cada um dos seus filhos". "Estamos aqui com o coração em festa para acolhermos a Mãe de Jesus e nossa Mãe, para revivermos aqui, como certamente acontecerá em todos os concelhos do nosso Algarve, em todas as paróquias e freguesias, em muitos dos seus lugares e montes, e para acolhermos a Senhora peregrina já que ela veio visitar-nos como Mãe", começou por referir o Bispo diocesano. D. Manuel Quintas, que voltou a frisar, como na noite anterior, a importância de através de Maria se chegar a Jesus, acentuou a religiosidade do povo algarvio. "Muitas vezes muitas pessoas me dizem que o povo algarvio não é um povo religioso. Ontem destes a resposta. Podemos andar muitas vezes longe de Deus, longe de Jesus, agora longe de Maria penso que não" , destacou o Bispo do Algarve, considerando que "todos se sentem atraídos por Maria". E "de Maria a Jesus é um passo muito pequenino", constatou, elucidando que o objectivo da Igreja algarvia durante estes dois anos em que decorre a visita da imagem da Virgem peregrina é "passar de Maria a Jesus e de Jesus a Deus, à Igreja e aos irmãos". O Bispo do Algarve exortou ainda para que esta passagem da imagem peregrina "desperte em todos um desejo grande de conhecer melhor a Palavra de Deus para conhecer melhor Jesus, para poder celebrar com mais verdade e autenticidade a Eucaristia e assim encontrar força para viver a caridade e o amor". "É para aí que tudo converge", constatou, referindo-se a terminar ao compromisso com o Lar da Mãe. D. Manuel Quintas dirigiu-se ainda no final da celebração às muitas crianças presentes. "Gostaria que também para vós, a passagem da imagem peregrina pela vossa terra despertasse em vós um amor muito grande para com Nossa Senhora", disse, mostrando-se sensibilizado por terem sido responsáveis pela construção de um terço de grandes dimensões depositado junto ao andor da imagem. A imagem ficará ainda até amanhã na igreja matriz de Aljezur, onde durante toda a semana têm decorrido vários encontros com os vários grupos e movimentos paroquiais, e no próximo domingo iniciará uma passagem pelas paróquias vizinhas de Odeceixe e Bordeira e respectivos lugares até dia 10 de Novembro em que passará para a paróquia de Sagres. Nossa Senhora de Fátima volta a Faro A imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima voltará a Faro, já no próximo dia 18 de Novembro, estando presente na ordenação diaconal dos seminaristas Flávio Martins e Pedro Manuel, pelas 17 horas, na Sé Catedral.