A intervenção naquele espaço vai passar pela aplicação de calçada, com pedra natural, em toda a área que circunda a igreja. Por outro lado, serão criadas zonas de sombra, com bancos e esplanadas de apoio aos restaurantes e cafés. A circulação automóvel ficará condicionada, ao mesmo tempo que o estacionamento será proibido no largo, passando o mesmo para o parque localizado junto à Casa do Povo, criado propositadamente para esse efeito. Os trabalhos terão um prazo de execução de 180 dias e um custo que ascende a 650 mil euros. Simultaneamente, a autarquia vai proceder à recuperação das fachadas das casas e edifícios existentes naquele espaço, alguns deles de importância histórico-patrimonial. A obra que deverá estar concluída em três meses, terá um investimento de cerca de 120 mil euros. Com esta obra pretende a Câmara Municipal de Loulé dar mais um “contributo na promoção das actividades turísticas, lúdicas e culturais de Querença, de forma a atrair cada vez mais visitantes ao interior do concelho de Loulé”.