A cerimónia teve a presidência do pároco padre Fernando Pedro e a presença de várias entidades oficiais, entre as quais os presidentes da Câmara Municipal de Loulé e da Junta de Freguesia de Salir, respectivamente, Seruca Emídio e Piedade Carrasquinho. Na Igreja, repleta de fiéis, o pároco, após recordar a passagem do 1° aniversário do pavoroso incêndio florestal que assolou a Serra do Caldeirão, referiu-se o sentido cristão e fraterno da o­nda de solidariedade suscitada. Seguiu-se a procissão até ao Centro Comunitário, após o que decorreu uma sessão no Salão de Festas, durante a qual usaram da palavra o pPresidente daquela Instituição Privada de Solidariedade Social, Augusto César e os presidentes do Município e da Junta de Freguesia. Mais tarde teve lugar um almoço de convívio, durante o qual actuou, conquistando fortes e merecidos aplausos, o Rancho Etnográfico da Serra do Caldeirão.