Assim, nos dias 12 e 13 de Fevereiro realizaram-se dois concertos respectivamente na igreja paroquial de Santa Maria de Lagos e na igreja matriz de Portimão com interpretações de Eudoro Grade, em guitarra clássica, da Orquestra do Algarve sob a direcção do maestro Armando Mota, professor da Academia de Música de Lagos e do Conservatório de Portimão Joly Braga Santos. Foram duas noites cheias de virtuosismo em que os muitos presentes puderam assistir às interpretações da obra de J. Rodrigo “Concerto para guitarra e Orquestra “Aranjuez” pelo guitarrista Eudoro Grade e, pela Orquestra do Algarve, a Sinfonia n.º 5 de F. Schubert, que encerrou a noite cultural com o “Voo do Moscardo”.