Quarta-feira 24 de Outubro de 2018
Inicio / Noticias / Costa d’Oiro celebrou 10 anos de vida

Costa d’Oiro celebrou 10 anos de vida

Tendo tido lugar no restaurante do recinto da Fatacil, em Lagoa, o jantar comemorativo dos 10 anos de vida da Rádio Costa D’Oiro contou igualmente com a presença do presidente da Câmara Municipal de Lagoa, José Inácio, da vice-presidente e vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Portimão, Isilda Gomes e do pároco de Lagoa, padre José Nunes.Após o jantar, o padre Arsénio da Silva, director de programas da estação de rádio, começou por partilhar a mensagem do Bispo do Algarve, que ao contrário do que tínhamos avançado na passada edição, não pôde estar presente por estar a participar nas Jornadas Missionárias Nacionais, em Fátima. hspace=1D. Manuel Neto Quintas, desejou à Rádio Costa D’Oiro «as maiores felicidades no cumprimento da sua missão de Rádio Católica, ao serviço da formação da pessoa humana, no anúncio da mensagem do Evangelho e na defesa dos valores humanos e cristãos».O casal de radialistas da Costa D’Oiro, Nuno Vieira e Ana Bernardino apelaram, na sua intervenção, à «participação activa de todos os ouvintes, colaboradores, amigos e anunciantes», porque, em «tempo de crise», «a rádio, para continuar a crescer, precisa, cada vez mais, de apoio». «Façam com que esta rádio seja, cada vez mais, uma família» – apelaram. O director de programas, recordando as palavras de D. Manuel Madureira Dias há 10 anos, aquando da inauguração da Rádio, sublinhou a actualidade daquele projecto radiofónico. «Cada vez mais tenho a convicção que esta voz é necessária» – afirmou o padre Arsénio da Silva, salientando que «a rádio tem progredido, não de uma forma muito vistosa, mas de uma forma humilde». Apesar de reconhecer que a Costa D’Oiro está «no bom caminho», o padre Arsénio da Silva defende que a estação «é uma voz que tem de ser aperfeiçoada». Tendo em vista esse objectivo dirigiu-se «a todos os anunciantes e potenciais anunciantes» pedindo-lhes o seu contributo. «Não pedimos grandes coisas. Pedimos ‘gotas’ para que a nossa rádio se vá afirmando» – concretizou.hspace=1Aos radialistas pediu propostas novas para a grelha de programas, pois, como fez questão de salientar, a Costa D’Oiro «é uma rádio feita ‘de baixo para cima’». «É hora de refazermos os programas todos. Venham ideias que eu cá estarei para analizar a vossa criatividade» – referiu o director de programas.Os autarcas presentes tiveram ainda uma palavra de apoio à Rádio Costa D’ Oiro. Ambos destacaram a importância da estação de rádio na transmissão e promoção de valores que devem nortear o empenhamento de todos. «É pena que tenhamos tão poucos meios de comunicação social que falem desta forma, que tenham esta abertura e proximidade ao cidadão comum, que divulguem valores e que os pratiquem» – referiu Isilda Gomes. José Inácio referiu-se à Costa D’ Oiro como «uma rádio que está a prestar um enorme serviço, pois empenha-se em combater os malifícios da globalização, nomeadamente o individualismo excessivo, e que aprofunda a fomenta os valores sociais e humanos». No final, em nome das duas edilidades, os autarcas entregaram ao director de programas duas placas comemorativas.

Verifique também

Casais de Faro iniciaram as catequeses preparatórias para o Encontro Mundial de Famílias com o papa

Realizou-se ontem à noite em Faro a primeira catequese preparatória para o IX Encontro Mundial …