Com efeito, estes dois símbolos têm vindo a peregrinar por todas as dioceses portugueses e na primeira quinzena deste mês estiveram no Algarve, tendo sido aproveitados pelo Sector Diocesano da Pastoral Juvenil para integrarem a mobilização em torno da peregrinação algarvia do próximo Verão. A passagem destes símbolos ecuménicos que visam fomentar localmente a oração pela unidade dos cristãos, aconteceu no âmbito de uma peregrinação de comunhão, sob o tema “A Luz de Cristo ilumina a todos. Esperança na renovação e unidade na Europa”, cujo momento culminante tem lugar de 4 a 9 de Setembro de 2007 em Sibiu (Roménia), onde marcarão presença na III Assembleia Ecuménica Europeia. A este propósito o cónego José Pedro Martins, pároco da matriz de Portimão, que presidiu à oração lembrou que a mesma aconteceu para “que a Igreja seja mais configurada ao Espírito do Evangelho”. “Uma Igreja em crescimento e não uma Igreja de sábios e soberbos”, afirmou. O sacerdote, desejando que a experiência orante marque a peregrinação dos jovens algarvios, exortou-os a “viver a recolha dos frutos do Evangelho”. “É sempre esta a finalidade de qualquer acto, caso contrário ficamos apenas no rito, no passeio e na viagem”, lembrou. Este foi o sexto encontro de oração promovido depois de se ter já realizado nas vigararias de Tavira, Faro, Loulé/São Brás e Albufeira. Para a vigararia de Lagos ocorre no dia 2 de Junho, na igreja paroquial de Santa Maria de Lagos.