A ordenação sacerdotal, motivo de acção de graças a Deus pela Igreja algarvia, decorrerá pelas 17 horas naquela igreja-mãe da diocese, tendo o Bispo do Algarve pedido aos cristãos algarvios que até lá “acompanhassem de modo particular” com a oração o diácono António de Freitas. “Pedi insistentemente ao Senhor da Messe que faça surgir na Igreja vocações de consagração”, acrescentou D. Manuel Quintas. Este será o segundo sacerdote a ser ordenado no Algarve no decorrer do presente ano pastoral de 2008-2009. O primeiro foi o padre Miguel Mário Neto, no passado dia 07 de Dezembro, na igreja de São Pedro do Mar, em Quarteira. Para o futuro sacerdote da Igreja do Algarve, natural de Albufeira, aquele templo assume particular importância na sua caminhada vocacional, por ter sido também ali realizada a sua ordenação diaconal no dia 5 de Outubro passado. Recorde-se ainda que o diácono António de Freitas, actual prefeito do Seminário de São José de Faro, assistente regional-adjunto do CNE – Corpo Nacional de Escutas e membro do Sector da Pastora Juvenil da Diocese do Algarve, só poderia ser ordenado presbítero depois de Abril, em virtude de se respeitar o prazo de 6 meses, recomendado entre as ordenações diaconal e sacerdotal. Na véspera da ordenação presbiteral, dia 30 de Maio, decorrerá, pelas 21.30 horas, na sua igreja paroquial, a matriz de Albufeira, uma Vigília de Oração pelo futuro sacerdote. Já depois de ordenado, o padre António de Freitas, celebrará, pelas 17 horas, a sua missa nova no dia 7 de Junho na mesma igreja.