Trata-se de um dia essencialmente de distensão e convívio, havendo espaço igualmente para a partilha de algum tema pastoral e a concelebração eucarística, presidida pelo Bispo diocesano, o que acontece de manhã. Após o almoço organiza-se habitualmente uma visita a algum lugar característico do Algarve. O tempo dedicado à partilha pastoral incidiu, este ano, na análise das várias propostas para a celebração do Ano Sacerdotal, apresentadas pelo Conselho Presbiteral e pelo Conselho Pastoral da Diocese do Algarve. Salienta-se, entre elas, a decisão de realizar um encontro mensal do clero: a parte da manhã será dedicada à reflexão de um tema ligado ao ministério sacerdotal, à oração pessoal e à concelebração da Eucaristia; a parte da tarde inclui um tempo de partilha sobre alguma experiência pastoral, seguindo-se depois, separadamente, a reunião mensal de cada vigararia. Após o almoço, os padres algarvios visitaram o Parque Zoológico de Lagos (Barão de São João).