Tal como referiu, no testemunho inicial, a Irmã Maria Engrácia Oliveira (Madre Superiora da Comunidade das Irmãs Franciscanas Hospitaleiras), perante os alunos e dezenas de pais, professores e encarregados de educação que participaram na Eucaristia, «esta é uma liturgia que uma festa para todos, junto de Deus, ao iniciarmos um novo ano lectivo, e darmos graças por estes 50 anos do Colégio em Faro ao serviço da Diocese do Algarve», implorando «Que seja Deus a conduzir toda a vida deste ano». Realçou ainda o simbolismo, neste dia pela Igreja dedicado a Santa Teresinha do Menino Jesus, a proximidade com a festa de São Francisco de Assis, que definiu como um «modelo de paz com Deus, com ele e com os outros» e o seu exemplo de «que é possível um Mundo Novo».A Eucaristia foi presidida pelo Cónego Dr. Gilberto Santos (Director do Colégio de Nossa Senhora do Alto e Arcediago do Cabido Catedralício da Sé ) que pediu para «que este encontro seja o mais agradável ao Senhor. Que Ele nos ajude a percorrer este ano, que ora iniciámos, a fim de tirarmos os melhores frutos». Na sua homília, em tom dialogante e comunicativo em reciprocidade com os alunos o Celebrante apontou a importância deste ano cinquentenário do Colégio na sede da Diocese, recordando o seu início, nos anos 40 do século passado, então como Colégio de Santa Catarina, em Monchique, o­nde, conforme referiu, iremos em romagem. Centrou numa ligação com as leituras a sua homília na figura de Santa Teresinha do Menino Jesus, cuja biografia e santidade referiu, querendo ajudar as outras pessoas através da sua vida numa dádiva plena de amor e recordando as suas palavras – «No coração da Igreja eu serei o Amor». Ao Ofertório houve uma simbólica e significativa participação de alunos, professores e pais, depositando no altar do sacrifício para o Mistério da Redenção, símbolos alusivos à paz, ao estudo, ao trabalho e à luz que vem do alto e que pelo Espírito Santo nos ilumina. Toda a celebração foi acompanhada com cânticos entoados pelo Grupo Coral do Colégio de Nossa Senhora do Alto, dirigido pela Irmã Paula Almeida.