O "Gen Verde", expressão artística do Movimento dos Focolares, fundado por Chiara Lubich, é composto por 24 artistas de 14 nacionalidades, que tocam, dançam, recitam, compõem, numa incessante busca de uma "sintonia de pensamento". "Valorizar o que une, para fazer da humanidade um só povo de mil cores, envolto pelo "manto" dos valores: tolerância, justiça, solidariedade… fraternidade" eis em síntese o fio condutor de "O Manto do Mundo", o novo musical do Gen Verde. Faz lembrar "Primeiras Páginas", o musical anterior deste Grupo, mas é totalmente independente: é um hino à extraordinária aventura humana, iluminada pela luz do infinito. Este espectáculo a ocorrer em Loulé (15 de Março) e que, por certo, atrairá público de todo o Algarve, é um conjunto de cores, de valores, de características e de povos. É a vontade de acreditar que existe um único "espaço" para todos, seja qual for o seu credo, a sua raça, a sua cultura, constituindo como que um manto que pode aquecer, cobrir, abrigar, proteger. Mais informações podem ser obtidas no sítio www.focolares.orp.pt ou, no caso desta presença, do "Gen Verde" no Algarve pelo telefone 289 829 078.