Inicio / Noticias / Ministra da Cultura visitou exposição de arte sacra patente no Paço Episcopal de Faro

Ministra da Cultura visitou exposição de arte sacra patente no Paço Episcopal de Faro

Isabel Pires de Lima que foi recebida pelo comissário da exposição, José António Falcão e pelos Bispos do Algarve, de Beja e Emérito de Beja, respectivamente D. Manuel Neto Quintas, D. António Vitalino Dantas e D. Manuel Falcão, por dificuldades de agenda não pôde estar presente no dia da inauguração e, por isso, agora de passagem por Faro, fez questão de não perder esta oportunidade para visitar a mostra do património artístico da diocese de Beja. A ministra que se mostrou sempre muito atenta à detalhada visita guiada proporcionada pelo comissário da exposição testemunhou que “este constitui certamente um dos momentos altos da ‘Faro – Capital Nacional da Cultura 2005’”. Em declarações à FOLHA DO DOMINGO, Isabel Pires de Lima mostrou-se agradada com o que viu e garantiu que a exposição “revela quanto o nosso património permanentemente nos traz surpresas e novidade, mesmo quando esse património remonta a séculos e séculos a trás”. “Foi um momento muito especial para mim. Quer do ponto de vista da fruição estética, quer do ponto de vista da aprendizagem”, testemunhou. No que respeita à parceria entre o Estado e a Igreja com vista à defesa do património nacional, a ministra defendeu que “a Igreja tem de ser forçosamente, e por direito, uma interlocutora do Estado nesta matéria. “Basta pensar que uma parte muito significativa do património português, quer imóvel, quer móvel é pertença da Igreja”, acrescentou, afirmando ser “vital” o “diálogo com a Igreja”, “quando o Ministério da Cultura está no início da regulamentação da lei do património aprovada há 5 ou 6 anos”.

Verifique também

Bispo do Algarve destacou ação das Misericórdias para “curar as chagas humanas e sociais”

O bispo do Algarve considerou ontem que “as Misericórdias se situam entre as instituições que, …