Após quase dois anos a funcionar filiado no Agrupamento 181 de Silves (Agrupamento monitor) como grupo explorador nº. 5 de Algoz, o Agrupamento 1293 foi inaugurado a 1 de Julho de 2006 e celebrou o seu segundo aniversário no passado dia 29 de Junho. Foi organizado um acampamento de fim-de-semana, nas imediações da vila de Algoz, um pouco diferente dos habituais e cuja programação incidiu principalmente nestes dois tópicos: meditação e preparação da Vigília de Oração e das promessas. A vigília foi às 21.30 horas, na capela de São Sebastião, tendo tido uma grande adesão por parte dos familiares dos escuteiros e membros da comunidade paroquial. Prepararam-se para a promessa do dia seguinte quatro Lobitos (6-10 anos), nove Exploradores (10-14 anos) (seis dos quais noviços) e três Pioneiros (14-17 anos) (também noviços). A vigília terminou cerca das 23.30 horas, tendo os escutas voltado ao acampamento numa caminhada nocturna bastante animada. No dia seguinte, após o levantamento do acampamento, decorreu a cerimónia das Promessas de Investidura na igreja matriz, durante a missa das 12.00 horas, que constituiu o momento mais alto das comemorações. No final da Eucaristia foi feito um desfile, com o valioso contributo da Fanfarra de São Jorge, do Agrupamento 511 de Lagoa, até ao salão da Junta de Freguesia de Algoz, gentilmente cedido pela autarquia, onde decorreu um almoço partilhado, bem à maneira dos escuteiros. Coincidiu a data do segundo aniversário do Agrupamento com o 41.º aniversário da ordenação sacerdotal do assistente e prior de Algoz, padre Manuel Condeço. Esse facto não foi esquecido pelos escuteiros, juntando assim as duas celebrações. No fim da Eucaristia, no discurso final de agradecimentos, o chefe de Agrupamento não quis deixar passar a oportunidade de dar um abraço emocionado de parabéns ao padre Manuel Condeço pelos seus 41 anos de sacerdócio e por tudo o que ele tem feito para que o escutismo fosse e continue a ser uma realidade e uma força viva da comunidade de Algoz, que actualmente conta com um efectivo de 64 elementos, repartidos da seguinte maneira: 20 Lobitos, 30 Exploradores, 8 Pioneiros e 6 Dirigentes. Vindos de outras paróquias do Algarve, juntaram-se à festa do segundo aniversário do Agrupamento 1293, escuteiros dos Agrupamentos 181 Silves, 511 Lagoa, 1009 Paderne, 1305 Santo Afonso – Praia da Luz e Agrupamentos em formação de Carvoeiro e de São Bartolomeu de Messines. Estiveram também presentes a chefe regional adjunta, Filomena Correia, o secretário regional, João Vasco Reis e o presidente do Conselho Fiscal e Jurisdicional Regional, Silvério Conceição.