Inserida nas comemorações do Dia da Europa e nas festas da cidade de Quarteira, a actividade Run4unity teve início por volta das 15.30 horas, com a apresentação de algumas canções acompanhadas de coreografias em palco. Com o tema “vAMOs colorir a cidade”, esta iniciativa, que se realizou em 350 cidades de todo o mundo, incluindo 5 portuguesas (Ponta Delgada, Funchal, Cascais, Porto/Gaia, Leiria e Quarteira), teve como objectivo fazer com que as cidades deixem de ser “cinzentas”, se tornem “mais humanizadas” e todos tenham paz. Os protagonistas do projecto foram adolescentes (dos 9 aos 16 anos), membros do Movimento Juvenil para a Unidade, pertencente ao MF, que procuraram testemunhar o contributo que eles próprios dão e que todos podem dar para tornar o mundo mais humano e fraterno, através de acções concretas, sobretudo junto dos mais marginalizados, dos que sofrem, dos que estão sós, e em lugares de conflito. Em Quarteira, os adolescentes participantes também tiveram oportunidade de partilhar alguns testemunhos de acções concretas que os têm levado a trabalhar em prol de um mundo mais humano. O fio condutor entre todos os testemunhos, coreografias e músicas foi a linguagem dos sinais matemáticos, em que o “+ (mais)” significava “amor”, o “: (dividir)” partilha, o “- (menos)” sofrimento, o “x (vezes)” para cada um, sem excluir ninguém, o “% (por cento)” o cêntuplo prometido pelo Evangelho e o “= (igual)” igual a um ou seja um mundo unido na fraternidade. Os adolescentes nos vários pontos do mundo estiveram unidos numa estafeta que ligou os cinco continentes com a passagem do testemunho entre os vários fusos horários. Assim, quando passava pouco das 16 horas, os protagonistas em Quarteira ligaram-se via Internet com os jovens de Sevilha (Espanha) que os precederam na realização desta estafeta mundial. A passagem do testemunho deu-se com a partilha das actividades feitas por cada grupo nos respectivos países para assinalar aquela iniciativa. De seguida deu-se então início à corrida de algumas centenas de metros que teve a participação também de algumas centenas de pessoas. Dos mais novos aos de mais idade, todos correram pela causa do Run4unity, envergando a camisola com o seu logótipo. Ao longo da costa um barco, içando uma bandeira com o mesmo símbolo, acompanhou o percurso. Por volta das 17 horas, o Algarve passou o testemunho aos Açores, igualmente via Internet. Mais fotos na Galeria de Imagens