Participaram seis equipas, das quais 4 de paróquias da nossa Diocese (São José das Ferreiras, Nossa Senhora da Esperança — Paderne, São Sebastião — Boliqueime e São Pedro — Faro) para além das representações do Santuário de Fátima ( Diocese de Leiria / Fátima) e de São Domingos de Benfica (Diocese de Lisboa). Os jogos tiveram a duração de 20 minutos cada e determinaram a vitória da formação dos acólitos lisboetas, classificando-se no 2° lugar os Acólitos das Ferreiras e no 3° posto a representação dos do Santuário de Fátima. à equipa dos Acólitos da Paróquia de Nossa Senhora da Esperança (Paderne) foi atribuído o «Troféu Disciplina», por total ausência de faltas durante a competição. Os prémios foram entregues no decurso de um almoço de confraternização, em que usaram da palavra, pela Organização do «Torneio dos Acólitos» o seu grande mentor João Espada e o Presidente da Junta de Freguesia das Ferreiras, Fernando Gregório («Todos venceram na atitude que mostraram e na convivência que tiveram») e o Vice — Presidente da Câmara Municipal de Albufeira, José Carlos Rolo («As modalidades desportivas são exemplo de que desde o princípio dos tempos o ser humano tentou agrupar-se. Permitem as mesmas o companheirismo, o convívio e também a competição é aceite desde que, como no caso presente, seja saudável»). Mais tarde, na igreja paroquial de São José, nas Ferreiras, decorreu a Celebração Eucarística, presidida pelo pároco padre César Chantre.