Orientado pelo padre Jorge Guarda, vigário geral da diocese de Leiria-Fátima, o Retiro teve início na segunda-feira, dia 5 de Setembro, à noite e prolongou-se até à passada sexta-feira, dia 9 de Setembro, tendo terminado com o almoço. Com base na Carta dirigida aos sacerdotes pelo saudoso Papa João Paulo II por ocasião de Quinta-feira Santa de 2005, o padre Jorge Guarda salientou os principais aspectos da espiritualidade sacerdotal. O sacerdote ajudou os seus colegas a reflectirem sobre “uma existência profundamente ‘agradecida’”, “doada”, “’salva’ para salvar”, “evocativa”, “consagrada”, “voltada para Cristo”, “’eucarística’ na escola de Maria”, dimensões intrínsecas ao próprio ministério sacerdotal. A iniciativa procurou desta forma contribuir para uma melhor preparação dos sacerdotes algarvios com vista ao início de mais um ano pastoral em Outubro próximo.