No dia 2 de Agosto, a procissão saiu da Capela do Siroco, pouco depois das 15:30. Vários paroquianos de Quelfes e de Olhão acompanharam a Imagem Peregrina, de forma ordeira, com cânticos alusivos a Nossa Senhora de Fátima e com a oração do terço. O percurso, apesar de breve, foi feito com bastante devoção, tendo na partida o seu momento mais tocante. Os paroquianos de Quelfes despediram-se da Imagem Peregrina no Porto de Pesca, onde o Padre Luís Gonzaga a recebeu em nome da Paróquia de Olhão, aproveitando a ocasião para proferir algumas palavras de agradecimento. A imagem saiu do Porto de Pesca para a ilha da Culatra, onde vai permanecer até ao dia 7 de Agosto.
No dia 7 de Agosto, a Imagem chegará à Igreja Matriz de Olhão através de uma procissão de velas que partirá do Cais T pelas 21:00.